Instituições pedem reexame de desempenho no Enem 2012

27 de novembro de 2013

Educação



Instituições pedem reexame de desempenho no Enem 2012
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-27/instituicoes-pedem-reexame-de-desempenho-no-enem-2012
Nov 27th 2013, 18:37

Mariana Tokarnia

Repórter da Agência Brasil
Brasília - Brasília - Após a divulgação ontem (27) dos resultados por escola do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 24 instituições entraram com pedido de reexame. Três delas tiveram o pedido aceito e passaram a integrar o mapa de médias: as paulistas Colégio Objetivo Integrado e Colégio Objetivo Integrado de Mogi das Cruzes, além do Colégio Classe A, de Mato Grosso do Sul. Os demais pedidos estão sendo analisados.
Segundo o Inep, nos três casos, as escolas tinham mais estudantes inscritos no Enem 2012 que o número de alunos de 3º ano presentes no Censo Escolar do mesmo ano, "o que impediu o cálculo da média".
A média do colégio Objetivo Integrado, 740,81 pontos, superou a média do Colégio Bernoulli (722,15), que ocupava até então o primeiro lugar em desempenho no Enem do ano passado. A nota foi calculada pela Agência Brasil levando-se em consideração as médias nas quatro competências do exame: linguagens e códigos, matemática, ciências humanas e ciências da natureza. Não foi levada em consideração a nota na redação. O Colégio Objetivo Integrado de Mogi das Cruzes obteve uma média de 675,16 pontos e o Colégio Classe A, 625,03. As médias na redação das escolas foram, respectivamente: 744; 734,36; e, 713,33.
Outros dirigentes de unidades escolares excluídos da divulgação, ou que queiram a revisão das médias, têm até 4 de dezembro para solicitar o reexame do cálculo das proficiências médias. O pré-requisito é que as escolas tenham pelo menos 50% de participação dos alunos concluintes do ensino médio no exame e que a porcentagem corresponda a pelo menos dez estudantes.
O Inep divulgou inicialmente as notas de 11,2 mil escolas. Tanto essas instituições quanto todos os candidatos do exame podem consultar no site da autarquia um mapa detalhado do desempenho no Enem.
Edição: Fábio Massalli
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Termina na sexta o prazo para inscrição no Ciência sem Fronteiras

Educação



Termina na sexta o prazo para inscrição no Ciência sem Fronteiras
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-27/termina-na-sexta-prazo-para-inscricao-no-ciencia-sem-fronteiras
Nov 27th 2013, 17:59

Da Agência Brasil
Brasília – Termina na sexta-feira (29) o prazo para a inscrição no Programa Ciência sem Fronteiras. Entre os requisitos está exigência de o candidato ter obtido nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) igual ou superior a 600 pontos, em exames feitos no período de 2009 a 2013. Além disso, o candidato deve apresentar teste de proficiência no idioma aceito pela instituição de destino e ter integralizado no mínimo 20% e, no máximo, 90% do currículo previsto para seu curso, no momento do início previsto da viagem de estudos.
Para participar, é necessário também cursar uma das áreas contempladas pelo programa: ciências exatas (matemática e química), engenharia, tecnologia e ciências da saúde. O programa mantém parcerias em 35 países. Até o mês de junho, implementou 29.192 bolsas em todas as modalidades de graduação, doutorado e pós-doutorado. A previsão é a distribuição de até 101 mil bolsas, ao longo de quatro anos, para alunos de graduação e pós-graduação.
Os estudantes podem concorrer a bolsas de estudo em 20 países: Bélgica, Canadá, Holanda, Finlândia, Austrália, Nova Zelândia, Coreia do Sul, Espanha, Estados Unidos, Alemanha, França, Itália, Suécia, Noruega, Irlanda, China, Hungria, Japão, Áustria e Reino Unido.
Mais informações na internet.



Edição: Beto Coura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Comissão de Educação do Senado aprova PNE e texto segue para o plenário

Educação



Comissão de Educação do Senado aprova PNE e texto segue para o plenário
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-27/comissao-de-educacao-do-senado-aprova-pne-e-texto-segue-para-plenario
Nov 27th 2013, 16:45

Mariana Tokarnia

Repórter da Agência Brasil
Brasília - A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado aprovou hoje (27) o Plano Nacional de Educação (PNE). Agora, o Projeto de Lei (PLC) 103/2012, que institui o PNE, segue para votação em plenário, em regime de urgência. Como foi modificado na Casa, após a aprovação, o texto deve voltar à Câmara dos Deputados.
A votação durou em torno de três minutos. A maioria dos parlamentares presentes era da oposição. A comissão aprovou na íntegra o relatório do senador Alvaro Dias (PSDB-PR). Foram apresentadas 92 emendas, das quais 44 foram acatadas total ou parcialmente pelo relator.
O PNE estabelece 20 metas para a educação a serem cumpridas em um período de dez anos. Entre as diretrizes está a erradicação do analfabetismo e a universalização do atendimento escolar. O plano também destina 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação. Atualmente são investidos aproximadamente 6% do PIB brasileiro.
Segundo o texto aprovado, a União terá o prazo de um ano para definir a fonte dos recursos. "O financiamento vem da receita da União, de estados e municípios. Não vinculamos esse investimento a fontes como os royalties do petróleo", disse o relator, referindo-se à sanção pela presidenta Dilma Rousseff da destinação de 75% dos royalties do petróleo para a educação.
Alvaro Dias acatou também uma proposta do senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) estabelecendo que 50% dos bônus de assinatura dos contratos de partilha para a produção de petróleo e gás natural na área do pré-sal sejam destinados à manutenção e ao desenvolvimento do ensino. Na avaliação do relator, se essa medida já estivesse em vigor, o leilão do Campo de Libra, que ocorreu no mês passado, teria propiciado R$ 7,5 bilhões adicionais para a educação. "É importante acrescentar tudo que for possível para assegurar a soma de recursos", defendeu.
O senador disse que tem consciência de que pode ser difícil aprovar essas medidas em plenário.
Outra mudança trata do período de alfabetização. Atualmente, toda criança deve ser alfabetizada até os 8 anos de idade. Segundo o texto atual do PNE, a idade cai para os 7 anos e, a partir do quinto ano de vigência do plano, passa para os 6 anos.



Ponto polêmico, a redação da Meta 4, que trata do ensino especial, agradou às entidades que atuam no setor. O texto havia sofrido alterações em relação ao aprovado na Câmara, que definia a existência do ensino regular e do ensino especial. No Senado, foram feitas alterações que davam a entender que todos os estudantes deveriam frequentar escolas regulares. A atual redação retoma o texto aprovado anteriormente.
"O texto mantém os dois sistemas, tanto ensino na rede regular quanto nas especiais e faculta, algo que já vínhamos batalhando há um tempo, que os pais tenham essa liberdade de escolha", destacou o secretário executivo da Federação Nacional das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais Apaes (Fenapaes), José Luís Colar.
Antes de chegar à Comissão de Educação do Senado, o PNE foi aprovado nas comissões de Assuntos Econômicos (CAE) e de Constituição e Justiça (CCJ). O plano está em tramitação no Congresso Nacional desde 15 de dezembro de 2010. A aprovação na Câmara se deu apenas em outubro do ano passado. Durante a tramitação, foram sugeridas mais de 3 mil emendas.
Edição: Juliana Andrade
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Estudante que faltou ao Enade por motivo relevante pode pedir dispensa até 24 de janeiro

Educação



Estudante que faltou ao Enade por motivo relevante pode pedir dispensa até 24 de janeiro
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-27/estudante-que-faltou-ao-enade-por-motivo-relevante-pode-pedir-dispensa-ate-24-de-janeiro
Nov 27th 2013, 09:56

Thais Araujo

Repórter da Agência Brasil
Brasília - Alunos habilitados ao Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes 2013 (Enade 2013) que faltaram à prova aplicada no último domingo (24) poderão solicitar dispensa até 24 de janeiro, conforme portaria publicada na edição de hoje (27) do Diário Oficial da União. Fazer o exame é requisito para que alunos do último ano de cursos de graduação obtenham o diploma. O bom desempenho, no entanto, não é exigência.
De acordo com o documento, o pedido poderá ser feito em casos de não comparecimento em razão de problemas de saúde, de mobilidade acadêmica (como intercâmbios no exterior) ou impedimentos relevantes de caráter pessoal. A solicitação deverá ser apresentada formalmente à instituição de educação superior (IES) na qual o estudante está matriculado, que analisará os pedidos. Aqueles que forem deferidos pela IES deverão ser registrados pelo coordenador do curso, por meio do site, em sistema criado para esse fim, no período de 2 de dezembro de 2013 a 24 de janeiro de 2014.
Se o pedido for indeferido pela IES, o aluno poderá solicitar ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) dispensa no Enade 2013 exclusivamente por meio do site, entre 28 de janeiro e 11 de fevereiro de 2014. Nesse caso, a solicitação deverá conter os seguintes documentos: requerimento de dispensa do Enade 2013, declaração original de aluno regular e habilitado ao exame, comprovada por meio de assinatura do responsável na instituição de educação superior do estudante e cópia autenticada do documento comprobatório do impedimento de participação na prova. O modelo do requerimento e da declaração estarão disponíveis para preenchimento e impressão no próprio site entre 28 de janeiro e 11 de fevereiro de 2014.
A relação de estudantes dispensados será disponibilizada no site do Inep, em data a ser divulgada.
O Enade é componente curricular obrigatório dos cursos superiores, devendo constar do histórico escolar de todo estudante a participação ou dispensa da prova. Seu objetivo é avaliar cursos de graduação a partir da verificação de competências, habilidades e conhecimentos desenvolvidos pelos estudantes em sua formação, de acordo com as características do perfil profissional exigido. A nota no Enade corresponde a 70% do Conceito Preliminar de Curso (CPC), que também leva em consideração o corpo docente e a infraestrutura da instituição.
Pelo indicador, os cursos recebem avaliação de 1 a 5, sendo as notas 1 e 2 consideradas insuficientes pelo Ministério da Educação. Os cursos são avaliados de três em três anos e a repetição de notas baixas pode levar ao fechamento deles. A divulgação do boletim de desempenho está prevista para o segundo semestre do próximo ano.
Na prova aplicada no último domingo (24) foi avaliado o desempenho dos estudantes de 17 cursos: bacharelado em agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social e zootecnia, além dos cursos de tecnólogo em agronegócio, gestão hospitalar, gestão ambiental e radiologia. Segundo o Inep, 170 mil estudantes fizeram a prova e o percentual de abstenção foi 13,7%, menor do que o do ano passado, quando 20,1% não fizeram o Enade.
Edição: Graça Adjuto
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Confirm your unsubscription from 'Educação'

To confirm that you no longer wish to receive updates from 'Educação', please click on the following link:

https://blogtrottr.com/unsubscribe/confirm/xZcYkX/2hvDFX


If you weren't expecting to receive this email, then simply ignore it and we'll go away.


Explore o MAXX

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Cultura

Famosos
MAXX FM
Música
Sobre Rodas
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade, em especial no que tange ao uso de cookies."

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni