Provas do Enem estão nos estados em galpões do Exército, diz MEC

21 de outubro de 2013

Educação



Provas do Enem estão nos estados em galpões do Exército, diz MEC
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/provas-do-enem-estao-nos-estados-em-galpoes-do-exercito-diz-mec
Oct 21st 2013, 20:30


Mariana Tokarnia

Repórter da Agência Brasil
Brasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse hoje (21) que as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 já estão nos estados. Elas estão armazenadas em galpões do Exército, com proteção especial. As provas serão aplicadas neste final de semana, nos dias 26 e 27, a 7,1 milhões de candidatos em 1.161 municípios espalhados pelo país.
As provas estão em malotes, todos com lacres eletrônicos, informou o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Os cerca de 63 mil malotes de provas têm cadeado eletrônico com GPS para garantir a segurança. Os lacres registram o horário do fechamento do malote na gráfica e o horário em que foi aberto no local de aplicação da prova.
Conforme o ministério, as provas foram impressas em gráficas com segurança máxima, onde não é permitido o acesso ao conteúdo do exame. Ainda na gráfica, foram lacradas e encaminhadas a um galpão do Exército em São Paulo. De lá, foram distribuídas para os galpões nos estados. Esta semana, as provas serão levadas a pontos de distribuição e, posteriormente, chegarão aos municípios onde serão aplicadas. Todo o trajeto é acompanhado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).
De acordo com Mercadante, as medidas devem evitar vazamentos da prova, como os que ocorreram em 2009 e em 2011. O ministro disse que o calendário de planejamento do Enem está sendo executado sem atrasos.
Na reta final, o estudante pode acessar o simulado desenvolvido pelo Portal EBC para treinar os conhecimentos.




Edição: Carolina Pimentel
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Projeto do Instituto Federal do Ceará possibilita ao deficiente visual ler qualquer tipo de texto

Educação



Projeto do Instituto Federal do Ceará possibilita ao deficiente visual ler qualquer tipo de texto
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/projeto-do-instituto-federal-do-ceara-possibilita-ao-deficiente-visual-ler-qualquer-tipo-de-texto
Oct 21st 2013, 21:17

Da Agência Brasil
Brasília - O primeiro dia da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia tem como um dos destaques o Laboratório de Inovação Cientifica do Instituto Federal do Ceará (IFCE), que trouxe tecnologias inovadoras de acessibilidade para deficientes visuais.
O IFCE apresentou o Portáctil, projeto que tem como slogan "O mundo em braille". O equipamento, que é portátil, possibilita que o deficiente visual consiga ler por meio do tato qualquer obra escrita. Basta que o usuário capture, por meio de um tablet, o que for ler e o sistema transfere o que foi capturado para um navegador que tem três células braille e permite ao deficiente visual o entendimento do texto.
"Nós estamos felizes com o projeto. Ele possibilita que o deficiente visual possa estudar em qualquer lugar sem que a escola tenha que se adaptar", disse Bruno Martins, aluno do instituto e estudante da engenharia da computação.
A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia é feita em todo o país no mês de outubro desde 2004, sob a coordenação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, com a colaboração de entidades e instituições de ensino, divulgação e pesquisa. Seu objetivo é mobilizar a população, em especial crianças e jovens, a respeito de temas e atividades na área. O evento em Brasília ocorre até domingo (27), no pavilhão do Parque da Cidade.



Edição: Fábio Massalli
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Brasil passa a integrar conselho diretor do Pisa

Educação



Brasil passa a integrar conselho diretor do Pisa
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/brasil-passa-integrar-conselho-diretor-do-pisa
Oct 21st 2013, 20:05

Mariana Tokarnia

Repórter da Agência Brasil
Brasília - O Brasil passa a integrar o conselho diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), uma iniciativa internacional de avaliação que compara a educação em 76 países. O conselho é formado pelos 34 membros da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). O Brasil é o primeiro país não membro da OCDE a integrar o grupo. O anúncio foi feito hoje (21) pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante.
O objetivo do Pisa é produzir indicadores que contribuam para a discussão da qualidade da educação nos países participantes e para subsidiar políticas de melhoria do ensino básico. A avaliação é aplicada em jovens de 15 anos a cada três anos. O Pisa abrange três áreas do conhecimento – leitura, matemática e ciências – havendo, a cada edição do programa, maior ênfase em cada uma das áreas.
"O Brasil está entre os que mais melhoraram os resultados", disse o secretário-geral da OCDE, Angel Gurría. "O sistema educacional brasileiro é inclusivo e de fácil acesso". O último resultado, divulgado em 2010, mostra que o Brasil ocupa a 53ª posição em leitura e ciências e o 57º lugar em matemática. O exame avaliou 65 países, ou seja, o Brasil ocupou as últimas posições, atrás de países da América Latina, como Chile, Uruguai e México. Mesmo assim, o país foi elogiado em relatório da OCDE por atender a 95% da população em idade escolar na educação básica. Segundo Gurría, até 2021, o Brasil deve alcançar a média dos países da OCDE - que muda a cada ano.
Como membro do conselho diretor, o Brasil poderá propor mudanças na forma de avaliação. De acordo com Mercadante, esse é o objetivo principal. Os indicadores, segundo ele, não levam em consideração especificidades de países em desenvolvimento, como o fluxo escolar, por exemplo. A avaliação é aplicada sempre em jovens de 15 anos, independente da série em que estão cursando. Na maior parte dos países membros da OCDE, a grande maioria dos jovens estão de acordo com a idade escolar. No Brasil a defasagem chega a 28,2% nos anos finais do ensino fundamental (5º a 9º ano) e a 31,1% no ensino médio, que abrange essa faixa etária.
Mercadante disse que é preciso considerar as diferenças entre os países. "A renda per capita [dos países da OCDE] é três vezes superior à brasileira. O investimento em educação por estudante nos demais países também é três vezes superior ao brasileiro em termos brutos". Sobre os avanços do país, de acordo com Mercadante, nos último 20 anos, o acesso ao ensino médio cresceu 120%, mas não foi acompanhado da melhora na qualidade de ensino. "Temos muito trabalho, muito dever de casa a fazer".
Durante o anúncio, o ministro ressaltou a importância da destinação dos recursos do pré-sal para educação. A oferta do leilão de Libra, feito há pouco no Rio de Janeiro, garante à União 41,65% do lucro do óleo retirado do campo. "Daremos um salto em termo de recurso novo", disse.

Edição: Fábio Massalli
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Enem: 712 candidatas grávidas podem dar à luz durante as provas

Educação



Enem: 712 candidatas grávidas podem dar à luz durante as provas
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/enem-712-candidatas-gravidas-podem-dar-luz-durante-provas
Oct 21st 2013, 19:22


Mariana Tokarnia

Repórter da Agência Brasil
Brasília – Em todos os estados e no Distrito Federal, há gestantes com possibilidade de parto nos dias da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013, no próximo final de semana (nos dias 26 e 27). O Ministério da Educação (MEC) revisou o número de gestantes e divulgou hoje (21) que 712 mulheres podem dar à luz entre os dias 20 e 31.
O assunto tornou-se preocupação, segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, após o caso da estudante Pâmela de Oliveira Lescano, de 17 anos, que, no ano passado, deu à luz momentos antes do início do Enem, em Sidrolândia, no Mato Grosso do Sul.
De acordo com os números divulgados pela pasta, o estado com o maior número de candidatas gestantes com possibilidade do parto é São Paulo, com 78. O estado é seguido por Minas Gerais (74), pelo Rio de Janeiro (55) e pelo Rio Grande do Sul (55). Roraima é o estado com o menor número, com quatro gestantes inscritas.
Segundo Mercadante, as grávidas estão em 351 municípios. O Ministério da Educação entrou em contato com as secretarias municipais e fez um mapeamento dos hospitais próximos aos locais onde as candidatas farão o exame. Além disso, haverá profissionais de saúde disponíveis nesses locais de prova.
O Enem será aplicado nos dias 26 e 27 de outubro. Ao todo, 7,1 milhões de candidatos participarão da prova. A pouco menos de uma semana para a prova, os candidatos podem treinar o conhecimento no Portal EBC, em um simulado que pode ser acessado livremente.


Edição: Carolina Pimentel
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

USP pede reintegração de posse de prédio ocupado por estudantes no Campus São Carlos

Educação



USP pede reintegração de posse de prédio ocupado por estudantes no Campus São Carlos
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/usp-pede-reintegracao-de-posse-de-predio-ocupado-por-estudantes-no-campus-sao-carlos
Oct 21st 2013, 17:49


Camila Maciel

Repórter da Agência Brasil
São Paulo - A Universidade de São Paulo (USP) entrou na Justiça com um pedido de reintegração de posse do prédio da administração do Campus São Carlos, ocupado desde a última quinta-feira (17) por estudantes. Por meio de nota, a USP informou que, em paralelo, uma comissão designada pela reitoria dá continuidade ao diálogo com os segmentos da comunidade universitária.
Os estudantes de São Carlos pedem eleições diretas para reitor, votação paritária entre as três categorias (alunos, funcionários e professores) e fim da lista tríplice, que confere ao governador a escolha do reitor entre os três nomes mais votados.
Eles também reivindicam questões específicas do Campus São Paulo. "A universidade faz o transporte de alunos entre duas unidades, porque uma é mais periférica e não tem a estrutura da unidade mais central. Há possibilidade de que esse serviço seja terceirizado. Não sabemos se isso vai ter um custo", disse Rafael dos Santos Ferrer, presidente do Centro Acadêmico Armando de Salles Oliveira (Caaso), do curso de Engenharia Ambiental.
Os estudantes pedem ainda a manutenção de uma unidade de saúde dentro do campus e a permanência de uma lanchonete, cedida ao Caaso, que funciona como uma fonte de renda para a entidade. "Não temos fins lucrativos. Para nós, essa é uma fonte de financiamento. Retirar é também uma tentativa de desarticular o movimento", declarou.
Amanhã (22), os alunos fazem mais uma assembleia, na qual podem deflagrar uma greve. "Não vamos ocupar [o prédio da administração] para sempre, mas é o mecanismo que temos para pressionar. Reivindicamos negociação. O pedido de reintegração de posse é mais uma prova dessa nossa crítica, de que falta democracia na universidade", avaliou Ferrer.


Edição: Aécio Amado
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Pouco mais de mil candidatos ainda não tiveram acesso ao cartão de inscrição do Enem

Educação



Pouco mais de mil candidatos ainda não tiveram acesso ao cartão de inscrição do Enem
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/pouco-mais-de-mil-candidatos-ainda-nao-tiveram-acesso-ao-cartao-de-inscricao-do-enem
Oct 21st 2013, 17:26



Mariana Tokarnia

Repórter da Agência Brasil
Brasília - A seis dias do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013, 1.068 candidatos ainda não tiveram acesso ao cartão de inscrição. Eles representam 0,02% do total dos candidatos inscritos, segundo o Ministério da Educação (MEC). No cartão de confirmação estão as informações pessoais do candidato, o local das provas, horário, a opção de língua estrangeira e necessidade de atendimento especial.
Dos 7,1 milhões de inscritos, 99,98% receberam os cartões. Do total enviado pelos Correios, 53.551 foram devolvidos: o número da casa estava incorreto ou o endereço informado não era suficiente. A maior parte desses candidatos (97%) recebeu as informações por mensagem no celular.
Entre os que não receberam a mensagem por celular, 1% (795) acessou o cartão pela internet. Os que ainda não o fizeram podem entrar no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) acessar o link específico e imprimir o cartão. Para isso, é preciso ter em mãos o número do CPF e a senha de cadastro no Enem. Em caso de problemas, o participante deve ligar para a Central de Atendimento no 0800 61 61 61.
O Enem ocorrerá no próximo fim de semana, nos dias 26 e 27 de outubro. O Portal EBC disponibilizou um simulado que pode ser acessado livremente por quem desejar testar o conhecimento.

Edição: Aécio Amado
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. É necessário apenas dar crédito à Agência Brasil





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Brasil integra conselho do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa)

Educação



Brasil integra conselho do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa)
http://agenciabrasil.ebc.com.br/galeria/2013-10-21/brasil-integra-conselho-do-programa-internacional-de-avaliacao-de-estudantes-pisa
Oct 21st 2013, 17:37

Brasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, e o secretário-geral da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), Angel Gurría, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos paísesBrasília - O secretário-geral da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), Angel Gurría, durante assinatura da adesão do Brasil como associado do Conselho Diretor do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). O programa é uma iniciativa internacional de avaliação comparada, aplicada a estudantes na faixa dos 15 anos, idade em que se pressupõe o término da escolaridade básica obrigatória na maioria dos países



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Candidatos do Enem devem ficar atentos ao horário de verão

Educação



Candidatos do Enem devem ficar atentos ao horário de verão
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/candidatos-do-enem-devem-ficar-atentos-ao-horario-de-verao
Oct 21st 2013, 17:08


Yara Aquino

Repórter da Agência Brasil
Brasília – Com o início do horário de verão, no último fim de semana, quem vai fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deve ter atenção redobrada com o horário. As provas serão aplicadas no sábado (26) e domingo (27) em 1.161 municípios e os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h, no horário de Brasília. Em 18 estados, os estudantes farão as provas em horário diferente do de Brasília, o que representa 3.528.114 de candidatos do total 7.173.574 inscritos.
Os estados do Acre, Amazonas, de Rondônia e de Roraima terão a maior diferença em relação à capital federal. Nesses estados, a abertura dos portões será às 10h e o fechamento às 11h, no horário local. Em 14 estados, os portões serão abertos às 11h e fechados às 12h, no horário local. Oito estados seguem o horário de Brasília (Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo). Veja na tabela abaixo o horário em cada estado.
Portanto, quem está em local com hora diferente da de Brasília deve acertar os ponteiros do relógio com os da capital federal para não perder o exame.
O local da prova também merece atenção. E recomendável que os estudantes façam anteriormente o caminho que vão percorrer nos dias do exame para evitar surpresas. Quem vai de ônibus ou metrô deve localizar as linhas que fazem o trajeto e se lembrar que o Enem é aplicado no final de semana, quando a frequência do transporte público é reduzida.
O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, tem feito alertas frequentes aos estudantes sobre o horário e local das provas. "Uma das coisas mais dolorosas é ver o estudante chegar atrasado e não conseguir entrar e todo ano isso se repete. O ideal é que o estudante percorra o caminho antes para verificar o tempo que ele demora de casa ao local do exame e colocar uma certa margem de segurança, porque pode haver algum imprevisto. Se ele for prudente, não terá surpresas. Todos os anos são milhares de casos que se repetem por falta de planejamento", disse em entrevista recente.
O prazo final para que os candidatos recebessem o cartão de confirmação das inscrições pelo correio com o endereço do local de prova terminou na última sexta-feira (18). Quem não recebeu o cartão, deve acessar a página do Inep e conferir as informações.





Abertura dos portões (horário local)


Início das provas (horário local)



Estados




10h


11h


Acre, Amazonas, Rondônia e Roraima




11h


12h


Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe e Tocantins




12h


13h


Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo




Edição: Carolina Pimentel
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Estudantes da Unicamp desocupam prédio da reitoria

Educação



Estudantes da Unicamp desocupam prédio da reitoria
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/estudantes-da-unicamp-desocupam-predio-da-reitoria
Oct 21st 2013, 15:02

Elaine Patricia Cruz

Repórter da Agência Brasil
São Paulo – Os estudantes da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) desocuparam hoje (21) o prédio da reitoria, ocupado desde o dia 3 de outubro. Segundo a Unicamp, a desocupação ocorreu de forma pacífica, sem incidentes. Neste momento, estudantes e uma comissão fazem uma vistoria no prédio para avaliar as condições do local. A data de desocupação foi decidida pelos próprios estudantes em assembleia realizada na última quarta-feira (16).
No dia 4 de outubro, o juiz Wagner Roby Gídaro, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Campinas, no interior de São Paulo, concedeu a reintegração de posse do prédio, solicitada pela reitoria. Na decisão, o juiz disse que a ação deveria ser precedida de uma tentativa de consenso e diálogo entre a instituição e os estudantes e que essa tentativa só seria substituída pelo uso da força em última instância.
Os estudantes que ocuparam o prédio da reitoria reivindicam principalmente a retirada da Polícia Militar do campus, cuja presença foi autorizada desde que um estudante foi morto a facadas em uma festa ocorrida na universidade, no mês passado.
Edição: Graça Adjuto
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Enem: provas serão aplicadas em 1.161 cidades e 15 mil salas de aula

Educação



Enem: provas serão aplicadas em 1.161 cidades e 15 mil salas de aula
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/enem-provas-serao-aplicadas-em-1161-cidades-e-15-mil-salas-de-aula
Oct 21st 2013, 09:58


Yara Aquino

Repórter da Agência Brasil
Brasília – No próximo fim de semana, 7.173.574 milhões de inscritos irão fazer as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Um grande esquema de logística foi montado para o transporte e a aplicação das provas em 1.161 municípios espalhados pelo país. Os candidatos farão as provas em 15 mil salas de aula e 660 mil pessoas vão trabalhar no dia do exame. Este ano, os cerca de 63 mil malotes de provas terão cadeado eletrônico com GPS para garantir a segurança.
Do total de inscritos, a maioria já concluiu o ensino médio (4.052.038) e está na faixa etária de 21 a 30 anos (2.181.084). As mulheres representam 58,5% do total de inscritos. Esses candidatos vão poder usar a nota do exame para concorrer a vagas de ensino superior em uma das 21 universidades federais, quatro estaduais e 29 institutos federais que adotam o Sistema de Seleção Unificada (Sisu).
Cerca de 70% dos candidatos ficaram isentos de pagar a taxa de inscrição. A isenção vale para estudantes concluintes do ensino médio em escolas públicas ou que têm renda mensal per capita inferior a um salário mínimo e meio.
A aplicação do Enem envolve um longo período de preparo e prevê atendimento específico para quem tem deficiência, gestante, idoso e até mesmo para pessoas que estão em hospitais. O número de pessoas que solicitou atendimento diferenciado ou específico ao fazer a inscrição foi 162.179.
Entre os que precisam de atendimento específico há dez candidatos em classe hospitalar. Há ainda 90.273 pessoas que guardam o sábado por questões religiosas. Isso significa que eles só iniciam a prova após o pôr do sol de sábado e, até esse momento, ficam em uma sala isolada dos demais candidatos. Também será garantido atendimento específico para idosos e mães que estão amamentando.
As grávidas são 6.689 entre os inscritos e a estimativa do Ministério da Educação é que 617 vão ter o bebê em data próxima à da aplicação das provas. O ministério passou a acompanhar de perto esse grupo depois que uma candidata teve um bebê no banheiro da escola onde fazia a prova, no ano passado.
Para o Enem 2013, foram impressas 442 provas em braile para os cegos. Outras 1.647 pessoas terão prova com letra ampliada e 5.849 vão receber a prova super ampliada. Os autistas e os que têm dislexia vão contar com o auxílio de leitores e transcritores. Haverá ainda intérprete de libras e auxílio para transcrição. Aproximadamente 29 mil pessoas solicitaram salas de mais fácil acesso.


Edição: Carolina Pimentel



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX

Ciência sem Fronteiras tem inscrições abertas para graduação sanduíche em 20 países

Educação



Ciência sem Fronteiras tem inscrições abertas para graduação sanduíche em 20 países
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-21/ciencia-sem-fronteiras-tem-inscricoes-abertas-para-graduacao-sanduiche-em-20-paises
Oct 21st 2013, 05:45

Yara Aquino

Repórter da Agência Brasil
Brasília – Até o dia 29 de novembro estarão abertas as inscrições para quem quer concorrer a uma bolsa para graduação sanduíche do Programa Ciência sem Fronteiras em 20 países. O edital de cada país está no site do programa.



As inscrições estão abertas para cursos no Reino Unido, na Bélgica, no Canadá, na Holanda, Finlândia, Austrália, Nova Zelândia, Coréia do Sul, Espanha, nos Estados Unidos, na Alemanha, França, Itália, Suécia, Noruega, Irlanda, China, Hungria, no Japão e na Áustria.
O Ciência sem Fronteiras foi lançado em 2011 com a meta de conceder 101 mil bolsas até 2014. Para se inscrever é preciso ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtido nota igual ou superior a 600 pontos, apresentar teste de proficiência no idioma aceito pela instituição de destino e ter cumprido no mínimo 20% e, no máximo, 90% do currículo do curso de graduação.
A bolsa concedida aos candidatos selecionados custeará a permanência do aluno por até 12 meses para a realização de estudos em tempo integral. Os estudantes também terão auxílio-instalação, seguro-saúde, auxílio-deslocamento para aquisição de passagens aéreas e auxílio-material didático.
Edição: Graça Adjuto
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/95K/xZcYkX


Explore o MAXX

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Cultura

Famosos
MAXX FM
Música
Sobre Rodas
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade, em especial no que tange ao uso de cookies."

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni